Lesão no joelho? É possível tratamento sem cirurgia

Com frequência recebemos no consultório pacientes com lesão do Ligamento Cruzado Anterior (LCA). As causas vão desde acidentes de motocicleta a esportes de contato como futebol, basquete, etc. Essas lesões são comuns porque a articulação do joelho é uma das mais complexas do organismo, tanto funcional como anatomicamente. Ao mesmo tempo em que precisa ter estabilidade para suportar o peso do corpo, também demanda flexibilidade para proporcionar liberdade de movimento, absorvendo e transmitindo todas as forças que o impactam durante as atividades corriqueiras e esportivas.


As lesões do LCA comumente levam os joelhos à instabilidade e, por isso, o tratamento cirúrgico é frequentemente indicado com o objetivo de garantir estabilização, diminuir lesões em outras estruturas e propiciar retorno rápido à prática esportiva.





Mas é possível tratamento sem cirurgia para as lesões do LCA?


Sim, existem estudos que mostram bons resultados funcionais com o tratamento conservador em lesões isoladas do LCA. Essa opção é a alternativa de escolha para alguns casos, mas é fundamental traçar o perfil do paciente ideal para o tratamento conservador das lesões completas ou parciais desse ligamento. O paciente lesionado deve evitar atividades esportivas de grande demanda física para não levar o joelho a falseios de repetição que acarretam riscos de acelerar o processo degenerativo da articulação.


Estudos mostraram que é possível aos atletas com lesão completa isolada do LCA praticarem esportes de alto rendimento como triatlo (natação, bicicleta e corrida no plano), golfe, remo, musculação, vela e o caminhada, entre outros esportes. E as possiblidades não são apenas para atletas, mas para o paciente comum em suas atividades cotidianas, quando observadas, claro, suas limitações como idade, sexo, peso corporal, estado clínico geral, etc.


Com boa indicação do ortopedista experiente em doenças do joelho para o tratamento conservador adequado e acompanhamento multidisciplinar de equipe composta por fisioterapeuta e educador físico, 1/3 dos pacientes selecionados que realizaram o tratamento até o final obtiveram resultados bons ou muito bons.

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Instagram ícone social

COE - Centro de Ortopedia Especializada © 2018

Criado por Plena Estratégias Criativas

Diretor Técnico: Dr. Thiago Caixeta - CRM-GO 13291 / RQE 8070 - Médico Ortopedista e Traumatologista.